Buscar

Canarinho Arco-íris lança plataforma de denúncias contra LGBTfobia no futebol

O dia da Visibilidade Lésbica (29) foi a data escolhida para o lançamento do Observatório Nacional da LGBTfobia no Futebol, realizada pela Canarinhos Arco-íris, coletivo que reúne as torcidas coloridas do país. No encontro, em uma videoconferência, os representantes e convidados bateram um papo sobre o combate à homofobia dentro e fora dos estádios de futebol.


Através do site www.torcidaslgbt.com.br, as pessoas poderão registrar denúncias de atos discriminatórios e de violência contra pessoas LGBTQIA+ e anualmente será gerado um relatório com dados das queixas prestadas.


O evento contou com a presença do pré-candidato a vereador de Salvador, Onã Rudá, que também é fundador da torcida LGBTricolor, do time do Bahia.


"Quanto mais nos unimos, mais nos fortalecemos. O nosso intuito é recolher as denúncias de homofobia sofridas pelos torcedores LGBTQIA+ e enviá-las para os órgãos responsáveis, tornando assim o futebol uma experiência mais gostosa para todos", disse Onã.


Além da LGBTricolor do Bahia, o coletivo é formado por torcidas LGBT's do Cruzeiro, Corinthians, Santa Cruz, Paysandu, Ceará, Sport, Vasco, Palmeiras, Vitória, Paraná, Athletico Paranaense, Coritiba e ABC.

7 visualizações0 comentário